Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
10 de maio de 2021
Rádios

INSS de domésticas não pode mais ser abatido do IR de empregadores

Economia

por Angela Maria

Receita libera programa gerador do Imposto de Renda
Brasília - Receita Federal libera o programa da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2016, ano-base 2015 (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Publicidade

O INSS pago por patrões de empregados domésticos não pode mais ser descontado do IR (Imposto de Renda). A lei sancionada em 2006, pretendia estimular que os empregadores registrassem os trabalhadores com carteira assinada. Ela estabelecia abater os gastos de até R$ 1,2 mil até 2019 e não foi prorrogada.

Com o fim do beneficio, o governo deixa de arrecadar mais de R$ 600 milhões de reais. Apesar da intenção de rever esses benefícios, o governo ainda não enviou proposta formal de reforma no IRPF.

Projetos de lei do Senado pretendem recriar o benefício.

Publicidade