Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
14 de junho de 2021
Rádios

Indicador de incerteza da economia sobe em fevereiro

Economia

por Angela Maria

producao-industrial
Publicidade

O Indicador de Incerteza da Economia (IIE-Br), calculado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), voltou a subir em fevereiro e atingiu 115,1 pontos, o maior nível desde setembro do ano passado, quando estava em 116,9. Os dados foram divulgados hoje (28), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre).

A pontuação está perto da média dos últimos cinco anos: 115 pontos. Por se situar acima dos 110 pontos em praticamente todos os meses desde julho de 2015, o índice está um patamar considerado elevado.

A FGV avalia que, nos últimos meses, o índice foi impactado pela guerra comercial entre Estados Unidos e China, pelo conflito entre Estados Unidos e Irã e pelo avanço da epidemia de coronavírus na Ásia e na Europa.

A alta de 2,2 pontos em fevereiro se deu nos dois componentes do índice. O componente Mídia, que mede as notícias sobre a incerteza na economia na imprensa, contribuiu com 1,2 ponto para o aumento.

Publicidade
Publicidade

O outro ponto de acréscimo se deve às previsões dos analistas econômicos ouvidos na pesquisa Focus do Banco Central, que projeta números para a taxa de câmbio, a taxa Selic e a inflação. Essas avaliações são contabilizadas no componente Expectativas do indicador.

Fonte: Agência Brasil

Foto: Arquivo/Agência Brasil

Publicidade