Neste ano o volume de chuvas no território do município de Palmas, sul do Paraná,  deve fechar praticamente o mesmo que  2016. É o que indicam os dados da Estação do Instituto Agronômico do Paraná(IAPAR) que faz acompanhamento do volume pluviométrico diariamente.

No ano passado o acumulado foi de 1.924 milímetros, contra 1.723 medidos até esta terça-feira(26). A  previsão de mais 85 milímetros, até o último dia do ano, faria com alcançasse os 1.800, 6% menos que a quantidade registrada em 2016.

O mês de julho desde foi o que registrou a menor quantidade, com apenas 8,6 milímetros. Os dois meses seguintes também foram de escassez hídrica, mas com 83,8 e 56,6, respectivamente, abaixo da média história para a época. O mês de outubro, entretanto, solucionou o problema, sendo o mais chuvoso do ano até então com 373 milímetros.

Este mês de dezembro acumula 80.8 milímetros, sendo 60 somente nos últimos dias do feriado do Natal. Para todos os demais dias desta há previsão é de céu Parcialmente nublado com chuvas e trovoadas a qualquer hora do dia.