por Ivan Cezar Fochzato

 

 

Os benefícios e a implantação de Leis Gerais Municipais da Micro e Pequena Empresa serão os focos de um seminário que o Sebrae/PR, com apoio da Associação dos Municípios do Sudoeste do Paraná (AMSOP), promove no próximo dia 24, em Pato Branco. Em pauta, temas de interesse como crédito, acesso a mercado, desburocratização, educação empreendedora e benefícios da legislação que regula um conjunto de normas para o tratamento diferenciado, simplificado e favorecido aos pequenos negócios.

 

Em Pato Branco, o Seminário Regional de Implantação da Lei Geral Municipal da Micro e Pequena Empresa será realizado no escritório do Sebrae/PR, que fica na Avenida Tupi, 333, no Bairro Bortot, das 9h30 às 17 horas do dia 24. O evento é voltado para prefeitos, secretários, servidores municipais, agentes de desenvolvimento e lideranças dos municípios, cuja Lei Geral está municipalizada e regulamentada.

 

O coordenador de Políticas Públicas do Sebrae/PR, Cesar Rissete, informa que o Seminário Regional pretende orientar sobre mecanismos que podem ser implementados pelos municípios para que a lei ‘deixe de valer apenas no papel. O evento contará com a presença de especialistas nos temas relativos à implementação da Lei Geral. Vários exemplos serão apresentados para ilustrar as possibilidades de apoio aos micro e pequenos negócios, que exercem grande importância na economia dos municípios e na geração de emprego e renda.

 

 

O evento é uma ação do Programa Cidade Empreendedora, criado para levar os benefícios da Lei Geral até os municípios. Na região sudoeste, além de representantes dos 30 municípios integram o Programa, são esperadas lideranças das 42 cidades, num público estimado de 150 pessoas. A programação tem início às 9h30, com recepção e credenciamento dos participantes. A abertura está marcada para as 10 horas e, às 10h40, terá início a palestra com Arnaldo Dôso.

 

PROGRAMAÇÃO

 

Pela manhã  estão programados dois painéis, às 11h30, à livre escolha dos participantes. Um com o tema “Simplificação e Desburocratização” e outro sobre “Acesso ao Crédito”. A duração dos painéis é de cerca de uma hora, entre exposição de exemplos práticos referentes ao tema proposto e possibilidades de tratamento do tema a partir da Lei Geral, além da abertura para discussão entre os participantes. À tarde, novos painéis serão abertos, das 14 às 15 horas, sobre “Compras Públicas” e “Educação Empreendedora”. O evento encerra com a palestra motivacional “Transforme suas ideias em ações e suas ações em resultado”, com o especialista em Educação Não Formal e Liderança de Equipe, João Carlos de Oliveira.

 

O gerente da Regional Sudoeste do Sebrae/PR, Joailson Agostinho, destaca que o momento é propício para realizar a interação entre os municípios e lembrou que, na semana passada, o Sudoeste deu mais uma demonstração de que vai continuar na vanguarda quanto o assunto é Lei Geral.

 

 

Palestrante

 

Ex-prefeito de Cabaceiras, na Paraíba, Arnaldo Junior Faris Dôso, foi o primeiro gestor municipal do País a receber o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. Durante o Seminário em Pato Branco, Arnaldo Dôso ministrará a palestra “Os Pequenos Negócios e o Desenvolvimento Local – Desafios e Benefícios da Implantação da Lei Geral no Município”.

 

 

O ex-prefeito de Cabaceiras (1997/2004) diz que o objetivo da palestra é proporcionar conhecimento sobre boas práticas nos temas da Lei Geral. Segundo ele, a ideia é sensibilizar, motivar e orientar o processo de implantação da Lei Geral como um instrumento para promoção do desenvolvimento. “Esse instrumento integra as lideranças dos municípios e permite que aconteça, de forma sustentável, o desenvolvimento econômico e social nas cidades”, salienta.

 

 

Durante a apresentação, Arnaldo Dôso destacará experiências de sucesso construídas a partir da ação inovadora e empreendedora de lideranças locais interessadas no fomento dos pequenos negócios e na gestão compartilhada.

 

 

Assessoria de Imprensa do Sebrae/PR