O Santuário Diocesano de Nossa Senhora Aparecida, em Santa Izabel D’ Oeste, tem recebido desde o início desse mês de outubro a visita de milhares de pessoas, vindas de todas as cidades da região e, até mesmo, de outros Estados. No local está acontecendo a 34ª Romaria de Nossa Senhora Aparecida. O Santuário foi criado nos anos 70 e desde então é visitado por romeiros que buscam estar próximos de Nossa Senhora Aparecida para pedir e agradecer graças alcançadas.

De acordo com o Padre Cezar Pôgere, nem a chuva que caiu neste domingo (11) atrapalhou a visita dos romeiros e as celebrações programadas. No início da manhã, fiéis seguiram em procissão da Igreja Matriz de Santa Izabel até o Santuário.

No período da tarde, padres da região atenderam confissões e abençoaram objetos adquiridos pelos romeiros. À noite, ás 20 horas, centenas de pessoas participaram da primeira Santa Missa e, a meia noite, milhares de romeiros acompanharam a missa que abriu também a vigília da madrugada. Essa celebração contou com a presença de um grupo de romeiros que caminhou 22 quilômetros, saindo de Nova Prata do Iguaçu. Nesta segunda-feira (12), dia da padroeira, as celebrações tiveram início das 06 horas da manhã com orações e missas que seguem durante o dia todo.

Chegada da imagem de Nossa Senhora nesta segunda-feira (12). Foto de divulgação
  • Compartilhe no Facebook

Chegada da imagem de Nossa Senhora nesta segunda-feira (12). Foto de divulgação

Conforme Padre Cezar, cerca de 30 mil romeiros devem visitar o Santuário nesse dia. Ele enfatiza a presença de crianças e adolescentes em todas as celebrações. “ Tenho visto crianças e adolescentes rezando conosco e isso nos leva a seguinte reflexão: as crianças rezam muito, acho que os adultos devem aprender com elas”, declarou.

O reitor aproveitou ainda para fazer um agradecimento a todos os romeiros e invocou a bênção de Nossa Senhora Aparecida a todos os católicos do Sudoeste que visitam ou acompanham as atividades do Santuário através dos meios de comunicação.

Entrevista com Padre Cezar Pôgere – Reitor do Santuário Diocesano

Fotos: Evandro Artuzi/RBJ