por Ivan Cezar Fochzato

A Sanepar inicia nesta semana vistorias socioambientais em 11.812 ligações de esgoto em Pato Branco, sudoeste do Estado. As vistorias serão realizadas em duas das 11 microbacias do Rio Ligeiro, Bonatto e do Córrego Fundo, que abrangem a parte sul da cidade e também parte da Baixada. Incluem, também, os bairros Santa Terezinha, Industrial, Bonatto, Cristo Rei, Pinheirinho, Gralha Azul, Novo Horizonte, Alvorada e São Vicente.

 

A vistoria do imóvel, que integra o programa Se Ligue na Rede, consiste em verificar se a interligação dos imóveis à rede coletora de esgoto da Sanepar foi executada de forma correta. “É necessário observar as normas técnicas para evitar que a água da chuva seja lançada na rede de esgoto. Se isto ocorrer, compromete a eficiência do tratamento do esgoto e os moradores correm o risco de provocar refluxo do esgoto para dentro dos imóveis”, explica o técnico da área de Meio Ambiente da Sanepar em Pato Branco João Carlos Martinello.

 

As vistorias permitem também detectar e regularizar a situação inversa, quando o esgoto está ligado à galeria de água pluvial. Neste caso, o prejuízo ao meio ambiente é ainda maior, pois o esgoto é despejado sem tratamento nos rios e córregos.Nas residências em que forem encontradas irregularidades, os moradores terão prazo de 30 dias para solucionar o problema. A não-execução adequada da ligação implica em crime ambiental, passível de pagamento de multa e corte na ligação de água de acordo com a Lei 13.331 que dispõe sobre o Código Sanitário Estadual.

 

com informações da AEN