A Sanepar (Companhia de Saneamento do Paraná) adotará a partir de segunda-feira (04), sistema de rodízio na distribuição de água em Palmas. A medida ocorre por conta da estiagem que atinge a região, que reduziu em 40% a capacidade de captação no Rio Caldeiras, responsável pelo abastecimento da cidade.

Durante o período de rodízio, para que todas as regiões sejam atendidas com água tratada, será feita uma divisão da cidade em setores que vão ter o abastecimento de forma alternada. O horário da interrupção do fornecimento de água deverá ser das 12h às 20h, com previsão de normalização gradativa em até quatro horas após o horário de abertura.

A companhia dividiu os bairros em três grupos, que terão o fornecimento de água interrompido:

Grupo 1 – Cascatinha; Santuário; São Sebastião; Aeroporto; Parte do Centro (entre Círculo Militar e Cemitério); Fortunato; Parque Klubegi; Caldeiras; Parque do Cedro; e Serrinha.

Grupo 2 – Lagoão; Alto da Glória; Hípica; Tia Joana; Vila Rural; São José; Eldorado; e Área Industrial.

Grupo 3 – Divino; Parte Centro (Entre Hospital e Sicredi); Parte Serrinha; Santa Cruz; Parte Santuário; Vale dos Lagos; e Dissenha.

Na segunda-feira (04), os bairros que integram o grupo 1 terão o fornecimento de água interrompido entre as 12h e 20h, com o calendário seguindo alternadamente nos próximos dias.

  • Compartilhe no Facebook

 

A Sanepar reitera que o sistema de rodízio é a única alternativa no momento para que todas as regiões da cidade recebam água tratada por pelo menos 16 horas diárias. A recomendação da empresa é que a água seja utilizada prioritariamente na alimentação e higiene pessoal. As limpezas pesadas, lavagens de veículos, calçadas, fachadas e irrigação de hortas e jardins são atividades que devem ser adiadas até que a situação volte à normalidade. Outra orientação é que ao encontrar qualquer tipo de vazamento de água na rua, a população deve avisar imediatamente a Sanepar pelo telefone 0800 200 0115.