Com uma redução de 40% na capacidade de captação no Rio Caldeiras, a Sanepar comunica que a partir desta quarta-feira (29), a população de Palmas passará a enfrentar falta de água.

A preocupação foi manifestada durante a programação da Rádio Club FM pelo prefeito municipal, Kosmos Nicolaou, e também pelo gerente regional da Sanepar, Edenilson Albani. Ouça no player abaixo:

O chefe do Poder Executivo destacou que o momento é de conscientização e que a população economize água, sob o risco de problemas muito maiores no futuro.

Conforme o gerente da Sanepar, o volume normal de captação em Palmas é de 320 mil litros de água por hora. Nesse momento, o volume captado é de 190 mil litros, o que pode levar à falta de água em alguns pontos da cidade já nesta quarta-feira.

Salienta que a companhia está trabalhando na ativação de um poço para incrementar em 40 mil litros a captação, mas informa que a partir de segunda-feira (04), a cidade passará a adotar sistema de rodízio na distribuição de água entre os bairros. O cronograma ainda deverá ser informado pela companhia.