Postado por Evandro Artuzi
Fonte: Amsop

Nesta quarta-feira, dia 5, o Grupo Gestor do Território do Sudoeste se reuniu nas dependências da AMSOP, em Francisco Beltrão, em sua reunião mensal para tratar de questões pertinentes ao desenvolvimento regional.

Pelo turno da manhã ocorreram discussões na Câmara Temáticas que são em número de quatro: 1)Meio Ambiente 2)Educação do Campo 3)Questão Agrária 4)Produção e Energia.

Já no período da tarde o colegiado do Grupo Gestor, composta por 25 organizações decidiu sobre o encaminhamento das proposições trabalhadas pela manhã. Foi destaque a realização de um Seminário, no próximo dia 21/09, sobre a Lei da ATER (Assistência Técnica e Extensão Rural) que está sendo proposta pelo Governo do Estado e cujo debate é coordenado pelo CEDRAF (Conselho Estadual de Desenvolvimento da Agricultura Familiar).

Também foi decidida a realização de dois debates em datas a serem marcadas pela Coordenação: o primeiro sobre a Matriz Energética e Desenvolvimento e posteriormente sobre a Questão Agrária e Sucessão Familiar no Campo.

Outro tema que ocupou os debates é quanto à implantação do SUASA no Sudoeste, questão que preocupa as lideranças quanto à venda de produtos das agroindústrias familiares fora da região. Esteve presente o prefeito de Paulo Deola de Bom Jesus do Sul, expondo a discussão que está sendo levada pelo Consórcio da Tri-Fronteira que abrange os municípios de Barracão, Bom Jesus do Sul, Dionísio Cerqueira e Bernardo Irigoyen na Argentina. A proposição é a ampliação da experiência implantada na área da inspeção de produtos processados no Oeste de SC – CONSAD para o Sudoeste do PR. O projeto foi aprovado pelo Território e está sendo encaminhado para o CEDRAF – Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar e Ministério do Desenvolvimento Agrário para aprovação e liberação.

Na oportunidade o Colegiado territorial foi informado quanto à parceria que a Emater está formalizando com o Território liberando um técnico para realizar um trabalho com os CMDRs (Conselhos Municipais e Desenvolvimento Rurais) articulado com o território e as organizações que já desenvolvem este trabalho nos municípios.

O Colegiado Territorial tem nova reunião ordinária marcada para o dia 27 de setembro de 2012 no mesmo local, quando terá como um dos principais debates a participação da região na constituição do Comitê da Bacia Hidrográfica do Baixo Iguaçu.