Com a reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT) neste domingo (26), termina o processo eleitoral 2014. Neste ano, somente no Estado do Paraná, 1.056 candidatos concorreram aos cargos de governador (8), vice-governador (8), senador e suplentes (24), deputado federal (292) e deputado estadual (724).

Gov. Beto Richa, retratos
  • Compartilhe no Facebook

Beto Richa (PSDB) reeleito com mais de 55% dos votos

Ao Governo do Estado, o governador Beto Richa (PSDB) foi reeleito com mais de 55% dos votos válidos. O senador Roberto Requião (PMDB) ficou na 2ª colocação com pouco mais de 1,6 milhão de votos, seguido da também senadora Gleisi Hoffmann (PT) com 881,8 mil votos. Em Palmas, sul do Paraná, o candidato tucano manteve o bom desempenho, obtendo mais de 9 mil votos no município. Requião conquistou o voto de 5,9 mil palmenses, enquanto Gleisi Hoffmann chegou a pouco mais de 5 mil votos.

RBJ - Para Alvaro Dias, o único fator positivo no Brasil é que o Governo do PT está acabando
  • Compartilhe no Facebook

Alvaro Dias, reeleito com 77% dos votos

Na disputa pela cadeira de Senador, o candidato Alvaro Dias (PSDB), obteve a maior votação proporcional do país, com 77% dos votos válidos no Estado. O comunista Ricardo Gomyde (PC do B), alcançou em torno de 666 mil votos e Marcelo Almeida (PMDB) recebeu cerca de 465 mil sufrágios. No município palmense, Dias ultrapassou os 70% dos votos. Já Gomyde e Almeida, chegaram à pouco mais de 2,6 mil cada.

Deputados estaduais eleitos e que obtiveram votação em Palmas
  • Compartilhe no Facebook

Deputados estaduais eleitos e que obtiveram votação em Palmas

O Paraná elegeu neste ano, 54 deputados estaduais. Desses, 46 obtiveram votos em Palmas. Porém, a população do município dividiu os seus votos para 188 candidatos ao cargo. Os candidatos eleitos, conseguiram juntos, aproximadamente, 4,7 mil votos no município, enquanto mais de 13,8 mil eleitores, votaram em candidatos que não foram eleitos ou assumiram apenas os cargos de suplência.

Deputados federais eleitos e que obtiveram votação em Palmas
  • Compartilhe no Facebook

Deputados federais eleitos e que obtiveram votação em Palmas

Para o cargo de deputado federal, a pulverização de votos em Palmas não foi diferente. Os 30 candidatos eleitos receberam votos de eleitores palmenses, totalizando mais de 14,7 mil sufrágios. No entanto, outros 97 nomes também conseguiram mais de 3,8 mil votos. A questão da pulverização de votos foi amplamente discutida entre a sociedade palmense. Como forma de conscientizar a população sobre a importância de se concentrar os votos em candidatos comprometidos com o município, o Movimento Palmas Desenvolvida, que reúne representantes de vários segmentos da sociedade local; poder público – Executivo e Legislativo e voluntários, elaborou a Carta de Palmas. No documento, constavam reivindicações e pontos estratégicos para o desenvolvimento do município, nas áreas de geração de emprego e renda, saúde, educação, infraestrutura, entre outros.

A carta foi assinada por 19 candidatos a deputados, sendo que destes, 13 foram eleitos: Anibelli Neto (PMDB); Bernardo Ribas Carli (PSDB); Guto Silva (PSC); Nereu Moura (PMDB); Paulo Litro (PSDB), Requião Filho (PMDB); Aliel Machado (PCdoB); Giacobo (PR); João Arruda; Leandre (PV); Osmar Serraglio (PMDB); Rossoni (PSDB) e Zeca Dirceu (PT). O documento foi assinado também por 2 candidatos ao Governo do Estado. O governador eleito, Beto Richa, não assinou, mas, em nota oficial, comprometeu-se em analisar os pontos constantes na Carta e, dentro das possibilidades, incluí-los em seu plano de Governo.

Presidência da República

RBJ - Presidenta Dilma participará da abertura do Show Rural Coopavel
  • Compartilhe no Facebook

Dilma Rousseff chega ao seu 2º mandato como presidente do Brasil

Em Palmas, Dilma Rousseff (PT) conseguiu virar o jogo sobre o candidato Aécio Neves (PSDB) no 2º turno. No dia 05 de outubro, Neves conseguiu mais de 9,6 mil votos palmenses, contra 9,2 mil de Dilma. No 2º turno, o placar virou, com Dilma ultrapassando os 10,5 mil, enquanto Aécio chegou aos 10,2 mil. Um dado que chamou atenção, foi o alto índice de abstenções, em que mais de 7 mil eleitores palmenses não comparecem à votação.  No sudoeste do Paraná, a candidata petista venceu em 35 dos 42 municípios. No entanto, a nível estadual, o tucano obteve mais de 60% dos votos válidos, contra 39% de Rousseff.

Ao todo, a atual presidente foi reeleita com, aproximadamente, 54,5 milhões de votos, cerca de 51,6% dos votos válidos. Já Aécio, contabilizou 51 milhões, pouco mais de 48% dos votos.