Na última quarta (03) o deputado Reichembach (PSC) esteve com o secretário da Agricultura do Paraná, Norberto Ortigara, e com o gerente de desenvolvimento tecnológico da Emater, Udo Bublitz. Na oportunidade, Reichembach se informou sobre programas que estão disponíveis este ano pela Secretaria para direcioná-los para o Sudoeste, e também sugeriu mudança na Lei do Calcário (11.175/95).

Para Reichembach o objetivo da lei foi atingido, já que equilibrou a necessidade do mineral nas propriedades agrícolas do estado, o que permite que a verba que seria destinada a ele possa ser utilizada para outro fim. O deputado pretende fazer com que a lei passe a oferecer outros benefícios para os proprietários de terra, como insumos para a correção do solo. “A intenção é que a correção seja feita através de fertilizantes, inclusive com material orgânico, que é abundante no Paraná, principalmente na região Sudoeste, onde há grande produção de aves”, afirma Reichembach. Para o deputado, esta iniciativa auxilia na produção em pequenas propriedades.