O deputado Reichembach (PSC) protocolou requerimento na Assembleia Legislativa solicitando ao diretor do Instituto das Águas do Paraná, Amin José Hannouche, a execução da segunda etapa de desassoreamento e rebaixamento da calha do Rio Marrecas em Francisco Beltrão, no trecho compreendido entre a ponte do bairro da Cango, até a ponte da PR-483 no bairro São Miguel. O requerimento visa melhorar o escoamento, ampliar vazão, retirar detritos depositados no leito do rio e evitar alagamento em períodos prolongados de chuva.

Quando prefeito, Reichembach viabilizou a primeira etapa do projeto, e hoje durante seu mandato como parlamentar pretende trabalhar para cumprir as etapas restantes e minimizar o problema das chuvas. “Faz muito tempo que Francisco Beltrão sofre com o problema das enchentes, a que teve mais impacto foi a de 1983, mas depois dela continuamos sofrendo com esse problema. Esta obra é de vital importância para a infraestrutura do município, pois ninguém quer ver a população perdendo seus bens com a cidade sofrendo com as enchentes”.

A execução do desassoreamento também amplia a capacidade de vazão do leito através da retirada de sedimentos e resíduos depositados no fundo do rio Marrecas, minimizando os efeitos de fortes chuvas que atingem a região causando transtornos para a população ribeirinha. A obra iniciou em 2012, onde foi possível comprovar a sua eficácia pela diminuição de residências atingidas pela chuva e escoamento do rio. Esta ação aliada a outras indicadas no plano de contenção de enchentes elaborado na gestão do parlamentar, vão trazer resultados marcantes no comportamento das águas em períodos de grandes precipitações.