Na chegada, Padre Reginaldo fez questão de cumprimentar todos que o aguardavam. Foto: Viviane Kich
  • Compartilhe no Facebook

Na chegada, Padre Reginaldo fez questão de cumprimentar todos que o aguardavam. Foto: Viviane Kich

O padre Reginaldo Manzotti, que diariamente apresenta o programa Experiência de Deus pela Onda Sul FM e outras milhares de emissoras de todo o País, foi a grande atração da Expomar, em Marmeleiro, na noite desta sexta-feira (20). A missa show, como ele chama, começou por volta das 20 horas e atraiu ao Estádio Municipal, onde foi montada a arena de shows da feira, cerca de 10 mil pessoas. Não foi cobrado ingresso, uma exigência do próprio padre.

Os organizadores apenas solicitaram de cada participante um quilo de alimento não perecível. Antes de se apresentar ao público, Regional Mazotti atendeu a impressa regional (rádios, TVs e jornais) e fãs que aguardavam ansiosos o contato com o ídolo. Na coletiva, padre Reginaldo foi abordado sobre vários temas pelos jornalistas.

Inicialmente teceu comentários sobre as músicas que atualmente despontam no cenário nacional e que muitas vezes tem uma linguagem imprópria, denegrindo a imagem da instituição família. “Defendo as boas músicas e quando digo isso não me refiro que temos que ouvir ou tocar só músicas católicas. Não, digo que as músicas devem ter critérios, ter uma linguagem que não ofenda quem está ouvido, que transmitam algo bom, alegre”, disse.

Outro assunto tratado na coletiva foram os 10 anos da obra “Evangelizar é preciso”, através dos meios de comunicação. Padre Reginaldo garante que se sente muito satisfeito por ter o trabalho tão bem aceito em todo o Brasil. Destacou o poder das emissoras de rádio parceiras que retransmitem diariamente o sinal da Rádio Evangelizar AM e FM, fazendo sua mensagem chegar a todas as camadas da sociedade, na maioria das vezes atendendo pessoas que já não tem mais condições de deslocamento até uma igreja, seja pela idade ou por alguma limitação física.

Reginaldo Manzotti atendeu profissionais de imprensa e falou sobre sua carreira de evangelizador. Foto: Viviane Kich
  • Compartilhe no Facebook

Reginaldo Manzotti atendeu profissionais de imprensa e falou sobre sua carreira de evangelizador. Foto: Viviane Kich

Aproveitou para lembrar da força da evangelização também pelas redes sociais atingindo o público jovem e a recente criação da RCI (Rede Católica da Igreja) de televisão que também transmite o Experiência de Deus. Ao citar a RCI comemorou o recebimento de uma notícia do Ministério das Comunicações nesta sexta-feira (20) autorizando novas concessões para instalação de retransmissoras da rede nos Estados de Rondônia e Maranhão, ampliando ainda mais a cobertura nacional.

Perguntado se tem ideia de quantas pessoas já ajudou ao longo desses 10 anos, disse que não consegue precisar, mas se uma pessoa foi ajudada já basta. O importante é estar presente na vaidade diária das pessoas, números não são importantes.

Depois da coletiva e do atendimento aos fãs, Reginaldo Manzotti foi direto par ao palco e com seu carisma, assim como nos meios de comunicação, contagiou a todos os presentes com mensagens de otimismo, canções de fé es esperança. Essa foi a segunda apresentação em Marmeleiro, a qual atribuiu ao carinho que tem pela cidade e região e também a um pedido feito pelo então Bispo da Diocese de Palmas – Francisco Beltrão, Dom José Antonio Peruzzo, atualmente Arcebispo de Curitiba. “Assim que assumiu Dom José me procurou e fez um pedido especial. Ele me disse atenda o povo de Marmeleiro, atenda a gente do Sudoeste, por isso aqui estou mais uma vez”, revelou.

Fotos: Assessoria Expomar