Foto: Marcos Corrêa/PR
  • Compartilhe no Facebook

Foto: Marcos Corrêa/PR

Os recursos para a pavimentação da PR-912 entre Coronel Domingos Soares e Palmas, Sul do Paraná, foram pauta de uma reunião entre a governadora em exercício, Cida Borghetti, e o presidente da República, Michel Temer, em Brasília, na quarta-feira (22). Na oportunidade, a Chefe do Executivo paranaense pediu agilidade do Governo Federal na liberação de empréstimos solicitados pelo Estado junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

No inicio do ano, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, autorizou a assinatura do contrato de financiamento de US$ 67,2 milhões, destinados ao programa Paraná Seguro. Restam ainda outros dois pedidos de empréstimos, um deles  de US$ 150 milhões, para o programa Paraná Urbano III, que prevê pavimentações asfálticas, recape de estradas, urbanização de vias urbanas e construções de escolas, e outro pedido de US$ 300 milhões para o Programa Estratégico de Infraestrutura e Logística de Transporte, de onde sairão os cerca de R$ 60 milhões para o asfaltamento da rodovia Dom Agostinho José Sartori.

Segundo Borghetti, o presidente da República afirmou que priorizará os pedidos do Estado, que dependem do aval da Secretaria do Tesouro Nacional (STN).

Nesta semana, o deputado estadual Guto Silva anunciou a destinação de R$ 5 milhões por parte do Governo do Estado, para o inicio das obras na rodovia. De acordo com o parlamentar, o recurso virá da antecipação da contrapartida do Estado prevista no pedido de empréstimo ao BID. A expectativa é de que ainda neste semestre o dinheiro já seja liberado e os trabalhos iniciados, até que se concretize o processo de empréstimo internacional ao Paraná.

Técnicos do BID estiveram na Secretaria de Infraestrutura e Logística (Seil), em fevereiro, analisando os projetos apresentados. Uma segunda visita da equipe está marcada para o início de abril. A expectativa é de que, até julho, seja possível finalizar a negociação com o banco.