Prefeito Sassá fez seu primeiro discurso como membro do PSC. Foto de divulgação
  • Compartilhe no Facebook

Prefeito Sassá fez seu primeiro discurso como membro do PSC. Foto de divulgação

Um grande evento político marcou a filiação do prefeito Adroaldo Hoffelder (Sassá) no Partido Social Cristão (PSC) na noite de quinta-feira (01) na sede da Associação dos Funcionários Públicos de Nova Prata do Iguaçu.

O Presidente Estadual do PSC e Secretário do Desenvolvimento Urbano, Ratinho Junior, abonou a ficha de filiação do prefeito Sassá e de centenas de novos filiados. Com a filiação, Sassá assumiu também a presidência do PSC local.

Vários presidentes de partidos da base aliada prestigiaram o evento. Também se fez presente o deputado estadual Wilmar Reichembach (PSC), coordenador regional do partido Luiz Corti, vice-prefeito Ivo Oscar Schneider, vereadores, lideranças locais e a presença de aproximadamente 600 correligionários.

Até o momento mais de 300 novos filiados ingressaram no PSC local, mostrado a força do prefeito Sassá, que recentemente deixou o PMDB, partido ao qual era filiado por muitos anos.

No Sudoeste, além do prefeito de Nova Prata do Iguaçu, também estão ingressando no PSC os prefeitos de Renascença, Lessir Canan Bortolli, que deixa o PT, e Albari Guimorvan Fonseca dos Santos, que se desfilou do PSDB.

“O ingresso de novas lideranças demonstra a seriedade de nosso partido. Em meio a tantos escândalos no país, nós estamos crescendo pelo fato de não ter envolvimento em nenhum caso de desvio de recursos, isso tem dado credibilidade ao partido”, avaliou Ratinho Junior.

O presidente estadual ressaltou ainda que o partido tem uma meta bastante arrojada para as eleições de 2016. O PSC quer eleger o maior número possível de vereadores, vice-prefeitos e prefeitos no Estado. Quanto a sua candidatura em Curitiba, declarou que ainda é cedo para decidir se entra ou não na disputa, embora seu nome tenha aparecida nas pesquisas de intenção de votos e entre lideranças políticas da capital.