O deputado Assis do Couto e a bancada Federal Paranaense debateram o projeto da Estrada-Parque Caminho do Colono com o vice-presidente da República, Michel Temer. A reunião aconteceu na tarde desta quarta-feira (02), em Brasília. Michel Temer, que também é responsável pela articulação política do Executivo com os demais governos, se comprometeu em apoiar a tramitação e a votação do Projeto de Lei 06/2013 no Senado.

Além do deputado Assis do Couto, participaram da reunião o coordenador da Bancada Federal Paranaense, João Arruda, e os deputados Luiz Nishimori, Luciano Ducci, Osmar Serráglio, Toninho Wandscheer, Sérgio Souza, Alfredo Kaefer e Zeca Dirceu. O presidente da AMP (Associação dos Municípios Paranaenses), Marcel Micheletto, e os prefeitos Luiz Bandeira, de Marmeleiro, Lindamir Denardin, de Capanema, e Ivar Barea, de Capitão Leônidas Marques também estiveram presentes. A reunião contou ainda com a participação do presidente da Embratur (Empresa Brasileira de Turismo), Vinicius Lemmertz, o secretário-executivo do Ministério do Turismo, Alberto Alves, e Eduardo Sciarra, chefe da Casa Civil do Paraná.

Assis fez uma avaliação positiva da reunião: “A reunião contou com uma representação forte dos deputados que compõe a bancada. O ministro do turismo não pode ir, mas estava representado pelo seu secretário-executivo. Imediatamente, o vice-presidente da República conversou com o presidente do Senado, Renan Calheiros, para que seja dado andamento na votação do projeto”, comentou.

Michel Temer achou interessante a matéria, de autoria do deputado federal Assis do Couto. Para o vice-presidente, é importante que o projeto seja votado e que o mérito da matéria entre em debate durante a votação no Senado, da mesma forma como ocorreu na aprovação do projeto na Câmara dos Deputados em 2013.

Entre os presentes, vários parlamentares fizeram falas em defesa do projeto. O presidente da AMP, Marcel Micheletto, falou em nome dos municípios paranaenses e Sciarra em nome do governo do Paraná. “Para o governo, é importante que o projeto seja aprovado”, comentou Assis, que após a reunião com o vice-presidente da República está mais confiante com a garantia da tramitação do projeto no Senado. “Nós queremos que seja votado ainda neste ano”, reforçou.

Requerimento do Requião

Outro tema em discussão na reunião com Michel Temer foi um requerimento do senador Roberto Requião para que a matéria seja apreciada também pela Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado. “É necessário que o Requião retire este requerimento”, afirmou o deputado Assis.

Micheletto, o presidente da AMP, se comprometeu em fazer um movimento forte no Paraná para solicitar ao senador Roberto Requião a retirada do requerimento. Prefeituras e Câmaras de Vereadores também vão fazer o pedido ao senador. Para Assis, não é necessário que uma quarta comissão avalie o projeto, que já vai tramitar pelas comissões de Serviço e Infraestrutura, Meio Ambiente, e Desenvolvimento Regional e Turismo. “Isso só atrasa o projeto”, finalizou.