Por Evandro Artuzi
Uma solenidade realizada na noite desta quinta-feira (29/11), na Associação dos Funcionários Municipais (AFM), marcou o encerramento do programa menor aprendiz de 2012. Na ocasião foram certificados 52 adolescente inseridos no programa ao longo do ano, os quais tiveram a oportunidade de ingressar no mercado de trabalho.

A iniciativa é da Secretaria de Assistência Social, através da Escola oficina Adeliria Meurer, com apoio do Sesc, Senai e 25 empresas município que contrataram os adolescentes do programa. Conforme Wagno da Silva, diretor da escola oficina, o menor aprendiz existe em Francisco Beltrão desde 2009, porém neste ano foram aprimorados alguns cursos de formação.

O programa manteve nos primeiros anos uma média de 70 adolescentes no mercado de trabalho. Marcos Vinícius Macari Nesi é um deles. O jovem ingressou há 11 meses na cooperativa Rodocrédito e diz estar muito contente com a oportunidade. O jovem tem 15 anos e pretende seguir trabalhando mesmo deixando de fazer parte do programa.

Mas a alegria não é apenas de quem está trabalhando. Empresários que contratam os adolescentes do programa também demonstram felicidade e satisfação. Ademir Biazzi, das Lojas Catarinense, garante que tem dois motivos pra comemorar, um é oferecer emprego a quem precisa e o segundo é contar com uma excelente funcionária.

O encerramento do curso teve também a presença do prefeito Wilmar Reichembach (PSDB) e da Secretária de Ação Social, Lurdes Arruda. Para o prefeito, os programas sociais tiveram atenção especial durante sua gestão, quando foram firmadas parcerias com os governos estadual e federal, com foco voltado sempre as pessoas mais carentes.