MAGAZINE DE NATAL EXCLUSIVIDADE RBJ.COM.BR

Produtores de Palmas aguardam colheita da amora-preta

por Ivan Cezar Fochzato em 8 de novembro de 2018 14:48
por Ivan Cezar Fochzato em 8 de novembro de 2018 14:48

Nos próximos dias será iniciada a colheita da amora-preta no município de Palmas, sul do Paraná. As variações climáticas, entretanto, deverão provocar uma quebra de até cinco toneladas na produção. Mesmo assim, estão previstas mais de 15 toneladas.

Plantas no IAPAR. Fotos: Ivan Cezar Fochzato/RBJ

O município é maior produtor da região e um dos principais do Estado. A produção local também é vendida para outras regiões do país. Apenas entre 3 e 5 toneladas são absorvidas localmente pela transformação em sucos, geleias e sorvete, que inclusive, atendem a merenda escolar.

Conforme o  Secretário de Agricultura, Edson Cassaniga, atualmente há mais dez pequenos e médios produtores que atuam em escala comercial. Estes deverão iniciar a colheita no final de novembro, com previsão entre 15 a 20 toneladas. “Estive visitando os pomares e algumas situações como excesso de chuva no mês de outubro, devem impactar na produtividade”, disse ele.

A Estação Experimental do Instituto Agronômico do Paraná(IAPAR) foi igualmente pioneiro no desenvolvimento da amora-preta no município para a difusão da cultura.  Conforme o Chefe da Unidade,  Wilson Schveiczrski, neste momento as plantas estão em fase de frutificação. “Esperamos uma produtividade até 3 quilos por planta”, disse ele.

Reiterou que o município tem as melhores condições climáticas do país para esta atividade, podendo tornar-se em pouco tempo, um dos principais exportadores da fruta.

Compartilhar