Por Larissa Mazaloti

 

Nesta semana a equipe do Rádio Saúde traz orientações e informações sobre a produção de lixo, e como encontrar a harmonia entre o material que é jogado fora e a saúde ambiental.

 

De acordo com o tecnólogo em saneamento – chefe da divisão de Vigilância sobre o Meio – Sesa (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná), José Luiz Nishihara Pinto, com o passar do tempo a produção de lixo aumenta, já que produtos para consumo vem em embalagens descartáveis e o preço mais acessível de vários utensílios facilitam o descarte de coisas velhas ou quebradas, por exemplo.

 

Ouça a entrevista