Por Evandro Artuzi

Um homem foi preso em flagrante pela Polícia Rodoviária Federal, em Realeza, acusado pelo crime de corrupção ativa. Edison Silva da Silva viajava em um ônibus abordado pela PRF na BR 163, por volta das 17 horas desta segunda-feira (23/04).

 

Com ele, foram encontradas, durante fiscalização de rotina, mercadorias estrangeiras sem a declaração junto a Receita Federal.

 

Durante a confecção da documentação de apreensão, Edison ofereceu R$ 100,00 aos policiais para que não continuassem. O mesmo foi conduzido a Delegacia de Realeza. Ainda durante a fiscalização foram realizadas outras quatro apreensões de contrabando.

 

Nos últimos dias, conforme a PRF, foram registradas 14 apreensões somente na BR 163. Em Capanema, a Receita Federal garante que as mercadorias apreendidas nessas operações superam os R$ 40.000,00 (quarenta mil).

 

Entre as mercadorias estão cigarros, medicamentos proibidos, produtos de informática, vestuário, calçados e mídias piratas. A contagem exata das mercadorias será feita em Cascavel.