Após uma solicitação feita pelo diretor da Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão, Marcos Andrade, na manhã desta sexta-feira (09), policiais militares das equipes RPA (Rádio Patrulha) e Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel), do 21º BPM, fizeram uma abordagem junto aos presos que cumprem pena no regime semiaberto.

A abordagem aconteceu no barracão onde os detentos permanecem nos intervalos do serviço, fora da Penitenciária. No local foi encontrado 535 gramas de maconha, dividida em 106 papelotes, 7 buchas de cocaína, 30 pacotes de fumo, duas serras de cortar ferro, uma alavanca de metal, 14 facas de cozinha, 22 carregadores de celular e 12 aparelhos de telefone celular.

Três detentos assumiram serem os proprietários de cinco celulares, no entanto ninguém se identificou como responsável pelos demais objetos e pela droga. Os detentos foram encaminhados de volta para a Penitenciária Estadual e o material apreendido entregue na 19ª SDP (Subdivisão Policial) para os procedimentos cabíveis relacionados ao fato.

Conforme o diretor do presídio, a fiscalização aconteceu graças a uma denúncia anônima recebida recentemente de que os detentos estariam consumindo e, até mesmo, comercializando droga. A medida adotada, além de punitiva, pode evitar que armas brancas (facas) e droga entre no presídio por meio dos detentos, afirmou Marcos Andrade. Ele ainda ressaltou a importância de a comunidade auxiliar na fiscalização. “Não podemos ficar o dia todo fiscalizando esses presos que saem para trabalhar, mas a população está nas ruas e tem condições de observar cada movimento deles, por isso contamos com apoio de todos com denúncias e informações que possam nos ajudar a coibir qualquer conduta irregular”, declarou.

Fotos: Polícia Militar