Após não comparecerem à julgamento por duas oportunidades, dois indivíduos, um acusado por tráfico de drogas e outro por homicídio, foram soltos do presídio de Pato Branco, sudoeste do Paraná. Os acusados foram convocados nos dias 04 e 09 de setembro, entretanto, por falta de escolta policial, ambos não estiveram presentes.

Nos dois dias, não houve justificativa por parte da Polícia Militar e dessa forma, o juiz revogou as prisões preventivas. Conforme a decisão do magistrado:

[blockquote style=”1″]”O acusado não pode ficar a mercê da vontade estatal para comparecer ao ato judicial e ser julgado.” [/blockquote]