A prefeitura de Palmas arrecadou R$ 414.540,00 no primeiro ano de implantação do EstaR (Sistema de Estacionamento Regulamentado Pago). Os números foram obtidos pelo Departamento de Jornalismo da Rádio Club/RBJ através da Lei de Acesso à Informação.

Os valores referem-se ao período entre 17 de dezembro de 2018 e 31 de dezembro de 2019, quando foram comercializados 272.200 bilhetes de estacionamento. Somente com a venda de bilhetes, a arrecadação foi de R$ 357.650,00.

Cabe ressaltar que, entre 17 de dezembro de 2018 e 31 de março de 2019, o valor de cada bilhete era R$ 2,00. Neste período foram vendidos 85.450 bilhetes. A partir de 01º de abril, o valor passou para R$ 1,00. De abril a dezembro, o governo municipal contabilizou a venda de 186.750 bilhetes.

Ainda no período entre 17 de dezembro de 2018 e 31 de março de 2019, o EstaR funcionava de segunda-feira à sábado, passando de segunda à sexta-feira a partir de 01º de abril. Considerando os dias de funcionamento do sistema, excluindo feriados, foram vendidos, em média, 1.023 bilhetes de estacionamento por dia, chegando à quase 21 mil bilhetes/mês.

Autos de infração

Conforme o decreto de regulamentação do EstaR, os motoristas que cometerem infrações ao sistema, como estacionar o veículo nas áreas regulamentadas sem a apresentação do cartão de estacionamento, utilizar o cartão de estacionamento de forma incorreta, ultrapassar o tempo máximo de estacionamento na mesma vaga, entre outras, são notificados por meio de auto de infração, que deverá ser regularizado com o pagamento de uma taxa de R$ 10,00. No período do levantamento, foram regularizadas 5.689 infrações, gerando uma arrecadação de R$ 56.890,