A prefeitura de Palmas, Sul do Paraná, lança nesta terça-feira (22) concorrência pública para conclusão de 27 unidades habitacionais, localizadas no bairro São Francisco. De acordo com o departamento de administração fundiária, a primeira empresa vencedora do certame, entrou em processo de falência, paralisando as obras, deixando boa parte das residências apenas com as paredes levantadas, até mesmo sem janelas e cobertura.

No final do mês de fevereiro, algumas das unidades foram invadidas por um grupo de moradores. No inicio deste mês, outra invasão ocorreu em 20 unidades de um conjunto de 127 casas, que estão sob responsabilidade da construtora G. Ferdinandi, contratada pelo governo federal para a execução das obras.

Pouco dias depois, a Justiça concedeu liminar favorável ao município, numa ação de reintegração de posse das unidades habitacionais. O novo contrato a ser assinado pelo município, tem atenção às cláusulas do acordo firmado junto ao Ministério das Cidades – responsável pelo programa Minha Casa Minha Vida – no ano de 2008.