Por Evandro Artuzi 

O prefeito de Enéas Marques, Valmor Venderlinde (PP) e seu vice, Miguel Ferreira (PMDB), foi cassado pela Justiça Eleitoral de Francisco Beltrão, em decisão tomada nesta quarta-feira (12), às 14h20.
A sentença foi dada pela Juíza Eleitoral Karina Daggior, responsável pela 140ª Zona Eleitoral da Comarca de Francisco Beltrão. A cassação foi embasada em denuncias de que Vanderlinde teria comprado votos na eleição complementar realizada no dia 11 de abril de 2010.
Ele foi eleito com 2.129 votos contra 2.003 votos de seu adversário, Maikon Parzianello (PSDB), filho do prefeito cassado no final de 2009, Hélio Parzianello (PSDB), também acusado de compra de votos. Vanderlinde ficou sabendo da decisão na capital do Estado, onde se encontra resolvendo situações referentes ao município.
Seu procurador, o advogado Ségio Signori, comentou a decisão da justiça, em entrevista a Onda Sul FM, logo após seu anunciou. Conforme ele, o presidente da Câmara de Vereadores, Alceu Ramos (PP) deve assumir o cargo de prefeito. Signori garantiu que já está providenciando provas para ingressar com um recurso junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), do Paraná, com intuito de suspender a decisão.

OUÇA