O município de Clevelândia, sudoeste do Paraná, poderá ter uma faculdade municipal gratuita com foco na sustentabilidade e meio ambiente. A proposta foi confirmada pelo prefeito, Alvaro Felipe Valério (PSDB), na manhã desta quinta-feira ao RBJ.

Anunciou que já está sendo enviado para o Poder Legislativo local, o Projeto de Lei que cria a Faculdade Municipal de Educação e Meio Ambiente – FAMA, com o objetivo de fomentar e ampliar a oferta do ensino superior gratuito como parte do processo de desenvolvimento educacional do município e região.

Salientou que será a primeira no Brasil neste modelo e prevê a oferta de cursos de Pedagogia, Administração e Sistema de Informação. “Nos planejamos e nos projetamos para isso. Estamos felizes com essa possibilidade, mesmo na contra mão do que ocorre no país em relação ao ensino superior”

Esclareceu Valério que a faculdade gratuita será mantida com recursos de ações ambientais no município, tais como, os oriundos dos Parques Municipais, que geram ICMs Ecológico. “Já temos três milhões de metros quadrados de preservação em Clevelândia”, disse ele.

A proposta é também estabelecer a incorporação da atual instituição que funciona no município, a FESC – Fundação de Ensino Superior de Clevelândia. Informou que como não foi possível a estadualização ou federalização desta, trabalhou-se paralelamente com a perspectiva de criação de uma Faculdade Municipal para convergir as ações e oferecer ensino gratuito.

Conforme o prefeito, após aprovado a Lei de criação na Câmara local, toda a documentação será encaminhada para a Secretaria de Ciência e Tecnologia do Paraná, Conselho Estadual de Educação e posteriormente para a sanção governamental. “Caso tudo transcorra dentro do que estamos prevendo é possível que entre fevereiro e março do próximo ano, a FAMA já possa estar devidamente constituída.