por Alencar Pereira

 

Excesso de chuvas e intenso tráfego de caminhões de cargas estão deixando a rodovia PRC 280, em seus 116 quiômetros em situação dificil condição de trafegabilidade.Em alguns trechos, principalmente de Palmas a Clevelândia, os motoristas têm que sair da pista para desviar os buracos existentes.Este problema deverá ser resolvido num prazo de dez dias, a partir da melhoria das condições do tempo. É o que garantiu o o gerente de obras do DER (Departamento de Estradas e Rodagem) de Pato Branco, escritório do Vale do Chopim, engenheiro Marcos Talamini.

Talamini garantiu que nos próximos dez dias se o tempo colaborar o panorama da rodovia PRC 280 será outro.
Comentou sobre a situação da rodovia, segundo ele o DER já está fazendo o tapa buracos para amenizar a situação, mas que a solução definitiva sobre a restauração da malha asfáltica só ira acontecer no próximo ano.
A deterioração que está acontecendo segundo o gerente de obras é devido às chuvas que vem acontecendo com freqüência aliado com o volume de tráfico de veículos principalmente de carga pesada. Outro dado que influencia e o excesso de carga nos caminhões, 37% está irregular.

 

Para tentar amenizar a situação há um projeto de instalação de uma balança de pesagem nos dois sentidos da rodovia, próximo ao posto da Policia Rodoviária antiga Receita Estadual. Enquanto a Balança não é instalada o DER juntamente irá fiscalizar as cargas, especialmente de Bi-Trem na próxima semana nesta localidade.

 

O investimento para recuperar todo o trecho da rodovia segundo o DER é de 600 a 700 mil por quilômetro, cujo projeto será executado no próximo ano. Talamini se comprometeu que nos próximos dez dias se o tempo colaborar o panorama da rodovia PRC 280 será outro.