Continua internado na UTI do Hospital Santa Pelizarri, em Palmas, sul do Paraná, Thiago Oliveira Muniz, que na madrugada de sábado (22) sofreu vários ferimentos por facão na cabeça e no rosto, após uma briga na Avenida Clevelândia.

A equipe da ROTAM da 2º Companhia foi acionada e no local recebeu informações de que havia ocorrido uma briga, onde teriam ocorrido disparos de arma disparos de arma de fogo e que além de Thiago, que se encontrava no local, outra pessoa teria sido ferida por um grupo de pessoas.Após o fato, os agressos embarcaram em um veículo e tomaram rumo sentido ao Bairro Klubegi, e no percurso teriam efetuado vários disparos de revólver.

Acionada também a equipe da P2 que efetuou a abordagem aos elementos numa esquina do bairro. No local, os policiais encontraram um revólver, com numeração raspada, com dois cartuchos deflagrados e ainda dois facões, ainda sujos de sangue. Detidos  Daniel de Oliveira,  Patrcik Lemes dos Santos, Juliano de Jesus dos Santos Padilha e Fabiano dos Santos Padilha, que contaram que agrediram as duas pessoas, em razão de que um deles havia efetuado um disparo de arma de fogo contra a namorada Daniel.

No local da briga, policiais coletaram informações junto a populares que confirmaram as características dos agressores. Mais tarde deu entrada no PAM – Pronto Atendimento Municipal, Cristiano Brizola, que relatou que estava com Thiago Oliveira Muniz, no momento das agressões.

Mais tarde, os policiais constaram no sistema que Fabiano dos Santos Padilha, estava com mandado de prisão em aberto. Diante das constatações e informações, os detidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Palmas, juntamente com as armas apreendidas pelas equipes policiais.