A Polícia Federal de Chapecó realizou nestas segunda (15) e terça-feira (16), buscas na Unidade Frigorífica de Peixes de Abelardo Luz, localizada às margens da SC-155. A ação ocorrer por determinação do Poder Judiciário Federal, que expediu mandado de busca e apreensão para que fosse realizado levantamento dos bens existentes no local. 

De acordo com o prefeito municipal, Wilamir Cavassini, foi identificado o quantitativo de todos os objetos e da estrutura da antiga COOPEAL (Cooperativa de Produção, Industrial e Comercial Edson Adão Lins), que foram adquiridos através de convênios com o governo federal.

A unidade é alvo de investigações sobre supostas irregularidades no uso dos recursos obtidos juntos à Caixa Econômica Federal e Ministério da Agricultura. Conforme o prefeito, está averbado à matrícula do frigorífico, desativado desde 2015, cerca de R$ 1,5 milhão em dívidas.

*colaboração Moacir Chaves