por Alencar Pereira

 

Policiais civis da delegacia de Palmas, Paraná, juntamente com técnicos da Copel, realizaram na tarde desta quarta (04) uma operação conjunta no sentido de apurar denúncias de desvio de energia elétrica em várias empresas madeireiras da cidade. Numa das empresas averiguadas foi constatada a adulteração nos equipamentos que medem o consumo de energia.

 

Diante do fato foi instaurado Inquérito Policial, contra o proprietário da empresa pela prática de estelionato. Segundo o delegado de polícia de Palmas, Rodrigo Silva de Souza, para uma fatura de energia que deveria ser de aproximadamente R$ 100.000,00, o proprietário da empresa pagava R$30.000,00 (trinta mil) através do golpe.O nome do empresário e da empresa onde foi constatada a prática, não foram divulgados pela Polícia.