A Polícia Civil de Dois Vizinhos, no Sudoeste do Estado, concluiu na sexta-feira (18) o inquérito policial sobre a morte do taxista Adelino Cavali, ocorrida no dia 22 de abril de 2018. O inquérito, presidido pelo delegado Joselito Teixeira dos Santos, já foi remetido à justiça.

O autor do crime, segundo apurado nas investigações, foi Romário Gonçalves Taborda, já conhecido nos meios policiais. O mesmo foi preso em novembro, na capital do Estado, onde estava morando em companhia da esposa Eliane Araújo.

Durante a investigação foi apurado que a mulher participou do crime, por isso também teve a prisão decretada pela justiça. Com a elucidação do crime, Romário teve a prisão preventiva decretada. Eliane, que estava foragida, se entregou na madrugada de sábado (19).

Relembre o crime       

O taxista foi morto na madrugada do dia 22 de abril de 2018. O crime aconteceu em uma estrada vicinal nas proximidades do perímetro urbano. Adelino Cavali foi morto a facadas.

O carro dele, Táxi, foi encontrado abandonado em Curitiba e desde então a Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar, realizou diligências a fim de esclarecer o fato.