Dois casos de desmatamento irregular foram constatados na região por policiais ambientais do Pelotão de Francisco Beltrão, no Sudoeste do Estado.

Em Marmeleiro, na comunidade Linha Santa Luzia, foi constatado o desmate de uma área de aproximadamente 20.000m².

O responsável foi indiciado e vai responder por crime ambiental, cuja pena pode chegar a três anos de reclusão. Além disso, terá de pagar multa e obrigatoriamente recompor a área devastada.

Em Bela Vista da Caroba, foi verificado desmate numa área de preservação permanente. Conforme o Sargento Charles Civa, a área desmatada é de aproximadamente 8.000m².

O responsável também foi indicado por crime ambiental e terá de pagar multa, além de recompor a área desmatada.