Cerca de 100 metros de redes de pesca foram apreendidos pela Polícia Ambiental no Lago da Represa de Salto Segredo, em Mangueirinha, no sudoeste do Estado. As redes foram encontradas durante patrulhamento aquático feito por policiais do Pelotão da Polícia Ambiental de Francisco Beltrão, sábado (29).

O material apreendido foi recolhido ao pelotão e posteriormente será destruído. Os responsáveis pelas redes não foram identificados. A Polícia Ambiental alerta que a pesca com redes só é permitida a pescadores profissionais. O uso indevido caracteriza crime ambiental e a pena pode chegar a três anos de detenção, além de multa.

De acordo com o comandante do Pelotão de Francisco Beltrão, Sargento Charles Civa, a fiscalização terá continuidade em toda região, não só da pesca predatória, mas também da caça e de desmatamentos.