Uma denúncia recebida pela Polícia Ambiental para verificar o desmatamento de uma área de preservação em uma propriedade rural em Bom Sucesso do Sul, no sudoeste do Estado, acabou com a apreensão de cigarro contrabandeado, armas e veículos. Na sexta-feira (16), policiais do Pelotão de Francisco Beltrão ao chegar na propriedade denunciada se depararam com algumas pessoas descarregando cigarro contrabandeado de um caminhão.

A mercadoria estava sendo transferida para veículos e levada até um galpão da propriedade. Assim que perceberam a aproximação da polícia, os envolvidos abandonaram tudo e correram embrenhando-se em um matagal. Com apoio de policiais militares de Bom Sucesso do Sul, buscas foram realizadas, mas ninguém foi encontrado.

Segundo apurado, cerca de 10 pessoas estavam no sítio. No caminhão abandonado foram encontradas cerca de mil caixas de cigarro. Além disso, foram apreendidos dois carros e duas motos, usados para transportar a mercadoria. Dentro de duas residências localizadas na propriedade, os policiais encontraram três espingardas calibres 22 e 36, além de uma pistola calibre 765. As armas foram entregues à Polícia Civil em Pato Branco. Já o caminhão com a carga, os carros e as motos foram encaminhados à Delegacia da Receita Federal em Cascavel.

Conforme o comandante do Pelotão da Polícia Ambiental de Francisco Beltrão, Sargento Charles Civa, os envolvidos no fato já foram identificados e devem responder por contrabando, posse irregular de armas de fogo, entre outros crimes. Ainda segundo ele, o sítio em Bom Sucesso do Sul servia como ponto de distribuição de cigarro contrabandeado para a região.

Fotos: Polícia Ambiental