por Ivan  Cezar Fochzato

 

A Polícia Militar da 2º Companhia de Palmas, sul do Paraná, intensificou o trabalho de patrulhamentos durante essa semana que antecede as votações de 07 de outubro.Conforme o comandante, Tenente Agnaldo César Pereira, todo o efetivo, inclusive serviços especiais de ROTAM e P2, estão sendo empregados,  com escala especial de trabalho.

 

Destacou que  neste momento o objetivo é fiscalizar e combater os ilícitos eleitorais, principalmente a compra de voto. Outra grande preocupação da PM é com possíveis confrontos entre grupos  nos bairros da cidade. Salientou que as equipes estão bastante atentas no tocante  a porte ilegal de arma, tendo em vista que na última semana, algumas pessoas foram detidas portando três armas de fogo em um veículo.

 

Para o próximo domingo(07), o trabalho estará centrando na fiscalização próximo dos locais de votação, coibindo a prática propaganda eleitoral não permitida para o dia. ambém, conforme ele  será fiscalizada a vigência da  Lei Seca, que vigorará no Paraná, entre 6h e 18h no dia da eleição. A Medida abrange compra, venda e consumo de bebidas alcoólicas. O governo do Paraná proibiu agora a venda de bebidas alcoólicas em todo o estado durante a votação neste ano. Estabelecimentos que forem flagrados vendendo bebidas alcoólicas poderão ser fechados no dia do pleito.

 

No sentido de orientar a população da região, o comandante destacou que as pessoas devem estar tranquilas e não há necessidade de se exaltarem deforma negativa, independente de quem seja o vencedor das eleições. ” A gente espera que as pessoas colaborem. A vida continua independente de quem for eleito. É uma insanidade qualquer tipo de conflito”, salientou o Tenente Agnaldo.Clique áudio.