O Personal Trainer Magnus de Sousa, esteve nos estúdios da Rádio Onda Sul FM, na manhã da última terça-feira (23). O profissional comentou e esclareceu as dúvidas dos ouvintes, que diariamente enviam mensagens com questões a serem abordadas.

Na ocasião foi comentada a pergunta do ouvinte Maurício: “Bom dia professor Magnus, fiz exames e estou com os triglicerídeos e colesterol alterados. Sei que preciso começar a fazer exercícios, mas eu não quero virar aqueles ‘marombeiros’ que ficam 2h na academia. Então, gostaria de saber quanto tempo eu tenho que ficar na academia e quantas vezes por semana, para ajudar a reverter o resultado dos meus exames”

(Imagem Ilustrativa)
  • Compartilhe no Facebook

(Imagem Ilustrativa)

O profissional, inicia explicando que é possível obter resultados satisfatórios sem passar tanto tempo na academia. “É bom esclarecer para a população que nos acompanha que, o fato de fazer exercício físico não requer necessariamente estar 2 horas na academia. A não ser que a pessoa tenha um objetivo específico de performance, participar de um campeonato de fisiculturismo por exemplo, ou ser atleta de rendimento que precise de fazer o uso de algum treinamento específico. Porém, é muito raro uma pessoa ter que despender de duas horas diárias para ficar na academia, não há necessidade. Eu posso afirmar que uma hora de treinamento bem realizado, focado no seu treinamento, está muito mais que suficiente. No seu caso indico de 3 a 5 vezes por semana, iniciando com três vezes por semana está suficiente, que é eu que o mínimo que a Organização Mundial da Saúde preconiza para que você se classifique como uma pessoa ativa”, explicou o personal.

Magnus explica que o ouvinte necessita de três passos para conseguir reverter o resultado dos exames.  “Essa alteração de exames, principalmente de colesterol e triglicerídeos, exige um acompanhamento nutricional e muitas vezes medicamentoso, indicados pelo médico vai lhe acompanhar. Então esse é o tripé necessário para que você possa reverter a situação: exercício físico de preferência 5 vezes por semana, mas três já está suficiente (lembrando que não precisa mais que uma hora de treinamento), medicamento e uma alimentação balanceada com acompanhamento de nutricionista. A dica é essa, siga esse tripé que ao final do ano eu lhe garanto que você irá ter uma surpresa muito boa nos resultados dos exames”, finalizou.