A pauta sobre o Projeto de Lei 001/2017, de autoria do poder executivo municipal de Chopinzinho, concedendo reajuste de 2,28% para o funcionalismo público, além de correção de R$ 50,00 no auxílio alimentação que hoje é de R$ 100,00, foi retirada pelo prefeito Álvaro Scolaro (PMDB).

+Reajuste do funcionalismo público entrará em primeira votação hoje na câmara de vereadores

A informação foi repassada pelo presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Chopinzinho (SISMUCH) Valdecir Françozi.

Segundo Valdecir, a justificativa do prefeito para a retirada do projeto, é que uma nova proposta será apresentada na quinta-feira (26), aos servidores públicos, os quais irão analisar durante a assembleia da categoria marcada para acontecer a partir das 18h30min, no auditório da ACEC (Associação Comercial e Empresarial de Chopinzinho).

A sessão extraordinária programada para acontecer hoje (25), a qual trataria sobre o assunto foi cancelada.