Em Francisco Beltrão, cerca de 6 mil pessoas participaram da celebração de Corpus Christi, no dia 30 de maio, às 14h30min, no ginásio de esportes Arrudão. Na sequência houve a procissão com o Santíssimo Sacramento pela rua tenente Camargo até ao calçadão da praça central, quando em frente à concatedral Nossa Senhora da Glória foi dada a bênção solene, pelo bispo diocesano dom José Antonio Peruzzo.

 

 

Ao longo da rua Tenente Camargo foi estendido o tradicional tapete com aproximadamente mil metros de extensão, com símbolos religiosos, preparados pelas pastorais e movimentos.

 

 

Foram quatro altares para reflexão:

Primeiro altar com o tema “Campanha da Fraternidade e Jornada Mundial da Juventude”, sob a responsabilidade da Paróquia Nossa Senhora da Salette; segundo altar foi refletido sobre o “Ano da Fé”, pela Paróquia São José; o terceiro altar sob a responsabilidade da Concatedral Nossa Senhora da Glória com a reflexão a partir do tema “Maria e a Eucaristia”. A celebração se encerrou com o quarto altar em frente à Concatedral, com  a bênção do Santíssimo Sacramento pelo bispo diocesano Dom José Antonio Peruzzo.

 

 

História
A celebração de Corpus Christi, nome em latim significa Corpo de Cristo. A festa teve origem em 1243, em Liége, na Bélgica, quando a freira Juliana de Mont Cornion teve visões de Cristo, manifestando o desejo de que a ocasião fosse lembrada com destaque. Em 1264, o evento foi estendido para toda a Igreja Católica após determinação do Papa Urbano IV.