DSC09879
  • Compartilhe no Facebook

Estradão de terra aguarda há anos a pavimentação, que deverá ocorrer com recursos do BID

O Banco Interamericano de Desenvolvimento(BID)voltou a mencionar nesta quinta-feira(21), através de seu site, o empréstimo de US$ 235 milhões que fará ao Estado do Paraná. Parte da verba tem previsão de aplicação na pavimentação da PR 912, a rodovia Dom Agostinho José Sartori, que liga os municípios de Coronel Domingos Soares e Palmas.

O organismo destacou que “o estado do Paraná, no Brasil, melhorará sua capacidade logística com apoio do BID” e, com isso, aumentará a eficiência, a competitividade produtiva, o desenvolvimento de sua  infraestrutura de transporte sustentável e sua integração regional com o empréstimo.

Conforme a nota, a linha de crédito de US$ 235 milhões, tem prazo de amortização de 25 anos, período de desembolso de 5 anos, período de carência de 5 anos e taxa de juros baseada na LIBOR – London Interbank Offered Rate – que é uma taxa de referência diária, calculada com base nas taxas de juros oferecidas para grandes empréstimos entre os bancos internacionais que operam no mercado londrino.

O Banco cita que o Programa Estratégico de Infraestrutura e Logística de Transporte do Paraná aumentará os investimentos em infraestrutura e logística por meio de intervenções em trechos das redes rodoviária e ferroviária estaduais. Como resultado, reduzirá o custo geral das operações de veículos, facilitará o acesso e tornará mais economicamente atraente o uso de modos distintos de transporte dentro de uma perspectiva multimodal.

Apesar da menção ao empréstimo, a  Secretaria de Infraestrutura e Logística do Paraná (Seil) informou ainda não tem data para a assinatura do financiamento que deverá contemplar a rodovia regional. Na tarde do último dia 13 informou à redação do  RBJ, através de sua assessoria de imprensa,  que o processo está tramitando dentro da normalidade, mas ainda não há data para a chancela do financiamento entre o Governo do Estado e o BID.

No mês de abril, foi realizada a audiência pública para a apresentação da obra à população domingossoarense. A obra de pavimentação de 28 quilômetros da rodovia, deverá custar cerca de R$ 73,5 milhões. Em maio, um grupo de técnicos do BID, do Departamento de Estradas e Rodagens (DER) e da Secretaria de Infraestrutura e Logística do Paraná estiveram em Coronel Domingos Soares, para verificação da estrada e coletar informações e os possíveis impactos sociais e ambientais a serem gerados com a obra.