A Assembleia Legislativa de Santa Catarina, atendendo a uma proposição do deputado Coronel Mocellin (PSL), prestou na última semana, uma homenagem aos profissionais do Corpo de Bombeiros Militar (CBM-SC) que atuaram no município mineiro de Brumadinho, em socorro às vítimas do rompimento de uma barragem, ocorrida no dia 25 de janeiro. A missão catarinense, que teve início no dia 29 de mesmo mês, se estendeu até a última quarta-feira (20) e envolveu ao todo 43 homens, sete cães de busca, diversas viaturas e três pilotos de drone.

  • Compartilhe no Facebook

Dentre os soldados homenageados está Thiago Spader, natural de Palmas, Sul do Paraná, que atua na unidade do Corpo de Bombeiros de Abelardo Luz. Ele fez parte da primeira equipe de bombeiros catarinenses a integrar os trabalhos de resgate em Minas Gerais. Em rede social, o militar agradeceu à Assembleia e à sociedade catarinense pelo reconhecimento, destacando um trecho da homenagem: “Todos aqueles que dedicam uma parte de sua vida a ajudar os outros, são dignos de reconhecimento, motivo de orgulho para todo Estado de Santa Catarina”.

Conforme o Coronel Cesar de Assunção Nunes, comandante da 1ª Região do CBM-SC, além uma retribuição à ajuda recebida de outros estados em 2008 – ano dos deslizamentos ocorridos no Morro do Baú – a ida a Brumadinho teve o objetivo de disponibilizar a experiência obtida pelos bombeiros militares catarinenses ao longo dos anos.

No mês de fevereiro, ao retornar da missão no estado mineiro, Spader participou da programação da Rádio Club de Palmas, contando um pouco da experiência vivida.