Na última terça-feira (10), duas entidades chopinzinhenses foram declaradas de utilidade pública municipal. Com isso, a Associação de Proteção ao Idoso – APIC e o núcleo de apoio aos pacientes oncológicos – ONCVIDA passam a receber auxílio do poder público.

Através do projeto nº 048/2019 foi declarada de Utilidade Pública Municipal a Associação de Proteção ao Idoso – APIC. Segundo o vereador proponente do projeto, Daniel Zanesco, em um futuro próximo a associação precisará de investimentos públicos e através desse projeto de lei, busca-se a possibilidade da Associação, por meio de editais e dentro de toda a legalidade, receber recursos, tanto a nível municipal, como estadual.

Já o projeto nº 049/2019 dispõe sobre a declaração de Utilidade Pública Municipal da Associação ONCVIDA de Chopinzinho. Segundo a redação do projeto, a Associação ONCVIDA tem por finalidade trabalhar pelo desenvolvimento cultural, social, econômico, educacional e assistencial das famílias de pacientes com câncer, tendo como área de abrangência o Município de Chopinzinho. Haverá o incentivo, por parte do Poder Público, com o pagamento das despesas do consumo de água, energia elétrica e aluguel do imóvel destinado à sede da Associação. Para a Associação ficará a obrigação de atuar com eficiência nos objetivos previstos no seu estatuto, inclusive, apoiando, divulgando e promovendo projetos de interesse de pacientes oncológicos, em parceria com o Município.

Os dois projetos estiveram em segunda e última votação durante a 30ª Sessão Ordinária de 2019 do Legislativo chopinzinhense.

Fonte e foto: Assessoria.