Representantes dos empreendedores anunciaram ao governo municipal que nos próximos dias iniciarão as obras da Pequena Central Hidrelétrica(PCH) Foz do Estrela no município de Coronel Domingos Soares. O empreendimento no leito do Rio Iratim  pertence a Brookfield Energia Renovável, através da São Luiz Energética. Terá  29,5 MW de capacidade instalada e duas unidades geradoras. A previsão é que comece a operar em fevereiro de 2022.

Em conversa com a prefeita,  Dona Maria, secretários e servidores do município explanaram as fases de execuções das obras. A central hidrelétrica deverá vender 4,6 milhões MW/h (megawatts/hora) à R$ 220,74 cada MW/h.

  • Compartilhe no Facebook

Foto: assessoria PMCDS

Para a integração da usina ao sistema de transmissão de energia elétrica será construída a Linha de Transmissão de 138kv com cerca de 50 km de extensão que ligará a subestação da PCH Foz do Estrela até a subestação de Palmas, sul do Paraná.

O projeto da PCH tramita na Agência Nacional de Energia Elétrica desde 2002. Em abril de 2014 foi realizada a Audiência Pública, onde foram apresentados os Estudos e Relatórios de Impacto Ambiental. Conforme o projeto, a barragem para formação do reservatório terá 292 metros de extensão entre as margens do rio e 46 metros de altura máxima. O lago da PCH Foz do Estrela terá 181 hectares de área, sendo que 47 hectares representam o leito natural do rio. A área inundada será de 134 hectares.

Para a integração da usina ao sistema de transmissão de energia elétrica será construída a Linha de Transmissão de 138kv com cerca de 50 km de extensão que ligará a subestação da PCH Foz do Estrela até a subestação de Palmas, Sul do Paraná.