Por Ivan Cezar Fochzato

 

A OAB palmense formulou ontem (10) uma representação contra a segunda Promotoria de Palmas, Paraná, ao corregedor do Ministério Público do Paraná, Dr. Moacir Gonçalves Nogueira Neto, que realizou a correição na comarca nesta data.

 

No entendimento da direção subseção local da Ordem dos Advogados estaria ocorrendo suposta prática de omissão no despacho de alguns procedimentos e até mesmo uma suposto favorecimento a alguns advogados em relação a ações e processos que são apresentados ao MP local.

 

O presidente da OAB local, Dr. Auro da Aparecida Ramos Mello, destacou que várias foram as reclamações feitas por advogados sobre a forma como eram tratados os assuntos encaminhados ao Ministério Público. (Confira  áudio)

Procurada pelo departamento de jornalismo da Rádio Club AM, a promotora Dra. Danieli Garcez da Silva, disse não ter conhecimento das questões apresentadas ao corregedor geral pela subseção da OAB de Palmas.

 

Já o procurador geral do MP, Dr. Moacir Gonçalves Nogueira Neto não quis se pronunciar sobre os fatos relatados pelos advogados, antes que estes sejam analisados adequadamente.