A psicóloga Dilma Schirr, apresenta todas as quintas o quadro de orientação “Conhece-te a Ti Mesmo”. Sucesso na programação da rádio Onda Sul FM, os temas abordados, são indicados pelos ouvintes.

gratidão-administrando-a-vida
  • Compartilhe no Facebook

(Imagem Ilustrativa)

Na edição desta semana gratidão foi o tema abordado. A psicóloga inicia explicando. “Nós fazemos parte de uma rede muito grande de relações humanas, vivemos num universo, portanto a gratidão é muito maior do que a gente pode imaginar. Gratidão por estar aqui, por viver, por este momento, pelo universo, pelo pássaro, pelo canto do pássaro, pela música de Beethoven, etc… Você deve ser grato a tudo aquilo que você recebe, porque o grato reconhece que ele recebeu, isso é a verdadeira gratidão, é genuína, eu sou grata porque eu recebi a vida”.

Para detalhar o assunto, a profissional conta uma experiência que presenciou. “Eu gostaria de falar sobre uma pessoa que recebeu a vida, mas era ingrata com a mãe. Ela foi em uma psicóloga e descobriu que ela era ingrata, porque ela amava todas as outras pessoas da família, mas ela era moralista, dura e severa com sua mãe. Ela foi numa sessão e a psicóloga disse: ‘Olha você enquanto você não for grata com a tua mãe, você não será feliz’ e ela saiu muito magoada da sessão. Mas ela começou a refletir a respeito da gratidão e chegou à conclusão de que realmente se a mãe dela não tivesse gestado e oportunizado ela na vida para a vida, ela não teria como ter vivido a existência dela com as outras pessoas. Então, ela chegou no núcleo da questão e está muito feliz por isso, está muito agradecida e reconhecida também por aquela pessoa que estimulou na sua essência”.

images
  • Compartilhe no Facebook

(Imagem Ilustrativa)

Outro caso mencionado pela psicóloga, fala da importância de ser grato em cada atitude e gesto.“Uma outra pessoa me disse assim: ‘eu vivi dois anos com meu filhinho, mas eu sou extremamente grata pelas memórias que eu carrego dentro de mim daquela existência’, ou seja, não é ser grato porque eu vivo 90 anos com meu pai, 80 anos com a minha mãe, é você ser grato em cada atitude, cada gesto que você vive”, completou Dilma Schirr.

Confira a entrevista na íntegra: