As alterações no Sistema de Estacionamento Rotativo Regulamentado Pago (EstaR) do município de Palmas, Sul do Paraná, com a inclusão de dois novos trechos de ruas na sua área de abrangência, entrarão em vigor no dia 06 de maio. A informação foi dada pela diretora do Departamento Palmense de Trânsito (Depaltran), Cristiane Lago, durante programa informativo do governo municipal.

  • Compartilhe no Facebook

Novo trecho da Vereador Amazonas Fonseca passa a ter cobrança do EstaR

Conforme decreto publicado pelo governo municipal na última terça-feira (23), passam a ter cobrança de R$ 1,00 por hora, os trechos das ruas Vereador Amazonas Fonseca e Capitão Frederico Teixeira Guimarães, entre a Rua Augusto Guimarães e Avenida Barão do Rio do Branco.

A diretora do Depaltran explicou que algumas adequações, como sinalização das vias e instalação de placas indicativas, foram realizadas durante esta semana.

  • Compartilhe no Facebook

Trecho da Capitão Frederico Teixeira Guimarães também terá cobrança pelo estacionamento

Como forma de prover aos usuários do EstaR, um período de adaptação e conhecimento das novas configurações do sistema, o departamento estará orientando os motoristas durante os próximos dias, até iniciar a cobrança pelo estacionamento, no dia 06 de maio.

Informou ainda, que o Depaltran, dentro do projeto de implantação, está estudando a inclusão de novas vias no Sistema de Estacionamento Pago.

A partir das alterações, conforme o decreto municipal, a área de abrangência do EstaR fica determinada entre “a Avenida Cel. José Osório, Rua Bispo Dom Carlos e Rua Augusto Guimarães, no espaço compreendido entre as Ruas Dr. Vicente Machado e Rua Cel. Alípio José do Nascimento e Souza, bem como todas as ruas transversais; Rua Dr. Bernardo Ribeiro Vianna entre a Rua Dr. Vicente Machado até a Rua Jesuino Alves da Rocha Loures; Rua Rafael Ribas entre as Ruas Jesuino Alves da Rocha Loures e Marechal Floriano Peixoto, e; Rua Vereador Amazonas Fonseca e Rua Capitão Frederico Teixeira Guimarães, entre as Avenidas Cel. José Osório e Barão do Rio Branco”.