Mais cinco municípios da região Sudoeste do Estado formalizaram a adesão ao programa Família Paranaense. A secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, esteve nesta quinta-feira (09) em Pato Branco para formalização das adesões de Bom Sucesso do Sul, Pato Branco,Vitorino, Mariópolis e Saudade do Iguaçu. Com assinatura do termo de adesão pelos prefeitos, os gestores de assistência social dos municípios se comprometem a viabilizar a implantação do programa. Até 2014, o Família Paranaense atenderá 100 mil famílias em situação de vulnerabilidade social para garantir a melhoria da qualidade de vida.

Na visita a Pato Branco, Fernanda também lançou na região a campanha Mulher de Atitude Previne o Câncer de Colo de Útero, da qual é embaixadora. Durante o evento foi entregue ao diretor do Hospital do Câncer, Salatiel Nascimento, o equipamento para a realização do exame Colposcopia, que auxiliará no diagnóstico de colo de útero.

O equipamento agilizará o atendimento e proporcionará um tratamento mais eficaz às mulheres de Pato Branco e região. Segundo levantamento realizado no município, dos 7 mil atendimentos feitos pelo Governo do Estado nessa área no ano passado, 207 exames apresentaram resultado positivo para a doença.

“Estes dados mostram o quanto uma campanha de prevenção é importante. Por isso estou aqui, para que nós sejamos mulheres de atitude e cuidemos da nossa saúde física e mental”, afirmou Fernanda Richa.

O câncer de colo de útero é a segunda causa de morte por câncer entre as mulheres do Paraná. Somente no ano passado, 266 mulheres morreram no Estado em decorrência da doença. A estimativa do Instituto Nacional do Câncer para 2013 é que sejam diagnosticados 770 casos novos da doença no Paraná. Se o câncer for diagnosticado no início, pode ter 100% de cura.