13550992_910049945773582_605787888_n
  • Compartilhe no Facebook
Na segunda-feira á noite, na Casa da Amizade, ocorreu à posse da nova presidente do Rotary Club de Palmas, ano rotário 2016\2017. O presidente Mauro Berti passou o cargo a Leila Maria Padilha de Araújo. Na mesma solenidade também foram empossados os presidentes do Interact, Aline Brasil de Jesus e do Rotaract, Gabriela Mayara Pietrobon Maccarini.

Também foram entregues alguns distintivos rotários para as diretorias empossadas. Por reconhecimento ao apoio que o Rotary vem dando ao Interact, estes fizeram a doação de uma cadeira de rodas ao Banco de Cadeiras. Autoridades civis e militares, rotarianos e convidados acompanharam a solenidade.

E no sábado (25) em sua sede, o Lions Clube de Palmas realizou a solenidade de transmissão de cargos e posse aos novos diretores que regerão os destinos do clube durante o ano leonístico que inicia em julho de 2016 até junho de 2017. A solenidade contou com a participação de associados, familiares, convidados e autoridades do município.

O presidente que deixa o cargo Sergio Cruz Passos em seu discurso, emocionado, fez vários agradecimentos, à esposa, filhos, companheiros de clube e a sua diretoria que segundo ele, muito o ajudou na condução do Clube, com equilíbrio e sabedoria, mesmo frente a tantas dificuldades encontradas. Carla Switala é a 41ª presidente da entidade. Fundado no ano de 1976, o clube de serviço teve a colaboração de 40 presidentes no ano que completou quatro décadas de existência no município.

De acordo com a nova gestora, Carla Switala Scopel, o Lions Clube de Palmas faz parte da rede do maior clube de serviços do mundo, somos 46 mil clubes e mais de 1,4 milhão de associados. Por quase 100 anos, os Leões serviram suas comunidades com dedicação e contribuíram para o desenvolvimento e bem-estar de milhões de pessoas por todo o mundo. Para celebrar nosso 100º aniversário, os Leões de todo mundo estão focados em alcançar a meta de nosso Desafio de Serviço do Centenário de servir mais de 100 milhões de pessoas até junho de 2018.