O mês de outubro inicia com os trabalhos diferenciados na coleta de lixo, na cidade de Chopinzinho. A prefeitura terceirizou o serviço para os próximos 20 meses. A empresa vencedora é de Coronel Vivida, e já começou os trabalhos no município.

A mudança faz parte do acordo feito entre a Administração Municipal e o Ministério Público do Trabalho, o qual após denúncias encontrou irregularidades no trabalho desenvolvido no aterro sanitário. “A proposta do Ministério foi que o município assinasse um termo de ajustamento de conduta, onde foi estabelecido um prazo para a gente regularizar essa atividade”. Comenta o prefeito interino Rogério Masetto.

Com a troca de comando na coleta de lixo, os munícipes devem ficar atentos, a partir de agora quem não separar adequadamente o lixo reciclável do orgânico, não será coletado, “a empresa pelo contrato, vai recolher se o lixo estiver separado. São dois caminhões que vão passar, sendo um para o orgânico e outro para o reciclável e as pessoas precisam fazer a separação”.

Além das alterações, a taxa de lixo cobrada pela prefeitura terá aumento para o próximo ano, “pedi para equipe da tesouraria, planejamento e urbanismo fazer um levantamento exato para que possamos enviar o projeto de lei a Câmara, e seja autorizado essa elevação na taxa de coleta. Hoje ela é insuficiente para cobrir o valor da empresa contratada”. Destaca o prefeito.

 

https://www.youtube.com/watch?v=APpLuSGtHZw&feature=youtu.be