O Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça de Mangueirinha, Sudoeste do Estado, expediu nesta terça-feira (16), duas recomendações administrativas destinadas a coibir a prática de nepotismo no âmbito do Município.

  • Compartilhe no Facebook

Promotor José de Oliveira Jr. (Foto:Arquivo Pessoal)

No documento pelo Promotor, José de Oliveira Jr., o órgão recomenda que sejam exoneradas as Secretárias de Assistência Social e da Política das Mulheres por relações de parentesco com agentes do primeiro escalão da prefeitura, neste caso, prefeito e vice-prefeito.

Além disso, a argumentação aponta que as chefes das respectivas pastas não possuem comprovada formação técnica e experiência profissional necessária para o desenvolvimento das funções. A Promotoria de Justiça estabeleceu prazo de cinco dias para manifestações de acatamento. Além disso, solicitou que as referidas recomendações sejam apresentadas em sessão do Legislativo.