Postado por Evandro Artuzi
Fonte: Assessoria de imprensa MP/PR

Um concurso de charges e a montagem de peças de teatro para mobilizar estudantes do município de Capanema (região Sudoeste). Essas são as principais ações de mobilização da população local, dentro do Movimento Paraná Sem Corrupção.

 

No último dia 15, as 1ª e a 2ª Promotorias de Justiça da Comarca de Capanema deram início ao projeto “O Ministério Público vai até você”, aderindo ao Movimento Paraná Sem Corrupção.

 

O lançamento incluiu várias atividades: uma palestra ministrada pelos promotores de Justiça Melissa Cachoni Rodrigues e Murilo Cezar Soares e Silva a mais de cem alunos no Colégio Estadual Rocha Pombo, e o anúncio do concurso de charges, com o tema “O que você tem a ver com a corrupção?”. Os alunos vencedores receberão prêmios, oferecidos por lojistas da cidade por intermédio da Associação Comercial. Também foi formado um grupo de teatro composto por adolescentes que encenarão peças sobre essa temática.

 

De acordo com a promotora de Justiça Melissa Cachoni Rodrigues, o projeto tem caráter permanente e pretende passar à população noções básicas de Direito, abordando questões de cidadania, como a conscientização sobre preservação do meio ambiente, propaganda eleitoral e venda de votos.

 

Também visa informar as atribuições do Ministério Público, aproximando a Instituição da comunidade. Para isso, os promotores vão até as escolas, entidades públicas e privadas, e ministram palestras, participam de oficinas, promovem concursos temáticos de charge e redação, e estimulam o conhecimento por meio de músicas e peças de teatro, além de conceder entrevistas aos meios de comunicação da região.

 

Iniciativa inédita – A iniciativa – inédita na comarca – é realizada em parceria entre o MP-PR e colégios estaduais (Rocha Pombo e Padre Cirilo), Conselho Municipal da Criança e Adolescente (CMDCA), Secretaria Municipal de Educação, Associação Comercial e rádios e jornais locais.

 

Segundo os promotores da comarca, a receptividade da população tem sido ótima, destacadamente por parte dos estudantes, que tem demonstrado grande interesse, em especial pela compreensão do papel do Ministério Público e os direitos das crianças e adolescentes e consumidores.